MENU
BUSCA

SergipeTec integra comitê gestor de projeto do Governo, para geração de emprego e renda em Sergipe

Geração de emprego e renda, voltada a novas tecnologias, inovação, criatividade e empreendedorismo, direcionada a jovens entre 14 e 30 anos. É esse o foco […]

Por admin, Sergipe
jul 3, 2018 as 11:00 pm - Capital, Destaques, Municípios

Geração de emprego e renda, voltada a novas tecnologias, inovação, criatividade e empreendedorismo, direcionada a jovens entre 14 e 30 anos. É esse o foco do projeto de Governo, por meio da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), em parceria com órgãos e entidades públicas e particulares: Sergipe Parque Tecnológico (SergipeTec), Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação (Emgetis), Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação de Sergipe (IPTI), Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, da Ciência e Tecnologia (Sedetec); da Mulher, Inclusão, Assistência Social, do Trabalho e dos Direitos Humanos (Seidh/NAT); e da Educação (Seed). Para isso, está sendo realizada uma série de visitas a instituições atuantes em áreas ligadas a Emprego e Renda, a fim de serem apresentadas as atividades de cada uma delas, e analisadas ideias e propostas de como cada uma pode contribuir para a construção e execução do projeto.

“Iniciadas no mês de junho, essas visitas buscam conhecer as principais entidades e parceiros que pensam em inovação e tecnologia, geração de emprego e de renda no Estado de Sergipe. Estamos fazendo uma sinergia entre todas essas instituições, conhecendo in loco o funcionamento de cada uma e entendendo quais são suas expertises, e, a partir daí, juntando todas em um grupo gestor focal, para que tenhamos ações, de curto prazo [em até 90 dias], e que possam impactar a geração de emprego e renda no Estado”, explicou o secretário da Fazenda, Ademario Alves, durante reunião ocorrida no SergipeTec.

Manoel Hora, presidente do Parque Tecnológico, destacou estar muito feliz e agradecido por, além de integrar o comitê gestor desse novo projeto de Governo, ser parceiro na realização de cursos voltados a Empreendedorismo, cuja finalidade é fomentar a qualificação e empreendedorismo científico e tecnológicos dos jovens.

“Essa segunda visita, ocorrida no Parque Tecnológico, é resultado do que foi apresentado e sugerido na primeira reunião [ocorrida na Emgetis, no dia 4 de junho] sobre a infraestrutura, disponibilidade de salas e laboratoriais [de Informática, Eletroeletrônica, Química, Física e Biologia] do Parque. Foi comprovado, nesse segundo momento, que temos toda a estrutura física montada e suporte tecnológico disponível – com destaque nas áreas de Biotecnologia, TI, Inovação, Energia e Meio Ambiente, e de Projetos Sociais – para receber todo o projeto que o secretário está planejando, em conjunto com diversos parceiros. Portanto, o SergipeTec credencia-se, positivamente, a contribuir nessa proposta de criação de oportunidades de capacitação e de trabalho direcionadas aos nossos jovens”, conclui.

Parceiros e abrangência do projeto – Neste segundo encontro, foram decididos os seguintes pontos fundamentais para dar continuidade à elaboração do projeto de Governo: o comitê gestor (composto pela Sefaz, SergipeTec, Emgetis, IPTI, Sedetec, Seidh/NAT e Seed); os possíveis polos (SergipeTec – região metropolitana, Neópolis, Nossa Senhora da Glória, Itabaiana, Estância ou Indiaroba, Tobias Barreto e Lagarto ou Itabaianinha); e possíveis parceiros (SergipeTec, IPTI, Senac/Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial de Sergipe, Senar/ Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, Sebrae, Universidade Feral de Sergipe, Universidade Tiradentes e Instituto Federal de Sergipe).

Outras Categorias:
Veja Mais
Comentarios