MENU
BUSCA

Reduzindo os impactos ambientais

Um projeto sergipano vem apostando na utilização de microalgas para absorção de gás carbônico (CO2) da atmosfera proveniente de processos industriais, auxiliando na redução de […]

Por admin, Sergipe
set 14, 2020 as 2:14 pm - Capital, Municípios

Um projeto sergipano vem apostando na utilização de microalgas para absorção de gás carbônico (CO2) da atmosfera proveniente de processos industriais, auxiliando na redução de impactos ambientais. Elaborado por especialistas das áreas de Engenharia Química e de Produção, o projeto conta com o apoio do Governo de Sergipe, por meio do Programa Centelha, operacionalizado pela Fundação de Apoio à Pesquisa e à Inovação Tecnológica do Estado de Sergipe (Fapitec). A ideia se baseia no desenvolvimento de reatores tubulares, nos quais as microalgas devem circular, estando sob condições de temperatura e luz solar específicas e na presença de nitrogênio, carbono e fósforo. Nessas circunstâncias, as microalgas podem crescer e absorver gás carbônico, diminuindo a emissão de gases do efeito estufa e criando um potencial de geração de créditos de carbono.

Outras Categorias:
Veja Mais
Comentarios